Busca
Terça-feira, 29 de Abril de 2008
Subtilezas

A minha sogra quando dialoga com as pessoas sabe ser subtil, está-lhe no sangue a subtileza.

Se estou metido no computador e a MC esta a tomar conta do nosso filhote, oiço uma subtil pergunta da minha sogra.... “ O teu marido gosta de crianças??” Que raio de pergunta para quem so soube educar a filha a base do estalo e de lhe partir os brinquedos, com atitudes infantis de birra para tentar controlar a filha.

Se esta ao telefone com alguém, vê o jovem cheio de adrenalina a pegar à sua frente no triciclo e por em cima da cama, podia deslargar o telefone e dizer “um momento por favor que vou tirar o veiculo do parque de estacionamento do primeiro andar”, mas no entanto, está à mâo de chegar ao jovem traquinas e ao triciclo e opta pela opção mais complicada, chamar o marido, que se não aparece nos próximos 5 segundos, arrisca-se a levar com a colher de pau e ser corrido de casa para ir cavar batatas até ao jantar. no entanto podia pousar a merda do telefone e punha o jovem a andar dali para fora sem o veiculo. Se no entanto chamar o marido, ja pode descarregar em alguém em caso de falha. Quando chama o marido é subtil, o senhor deve ter uma camada de cera nos ouvidos, com a idade da segunda guerra mundial, por isso não é surdo, e só ouve o que lhe interessa. Ela manda dois berros como se estivesse a falar numa palestra sem microfone para 25000 pessoas e esquece-se que o jovem absorve todos os exemplos, inclusive da subtileza dos avós. Ora a noite, o nosso amigo jovem manda uns berros e qual o meu espanto, quando oiço a avó a dizer que possivelmente aprendeu o exemplo vindo do pai dele. Que raiva.... dá vontade de lhe roubar a dentadura e po-la a laxante durante uns dias.

Tem dias em que para deitar o nosso filhote, temos que falar um pouco mais alto sem gritar com ele, para mostrar quem comanda as tropas abaixo os 18 anos e começa-se a ouvir em pano de fundo a sogra a falar sozinha a dizer que nao se deve gritar com as crianças. Nao está a falar comnosco, mas sim para a atmosfera.... lógico que se vamos pedir explicações dum modo simpático levamos com um calhau de calçada no estômago, pois diz que se explicou mal, que nao era para dizer a merda que ja disse. Ora diz ou não diz.... ainda para mais não sabe defender as suas teorias, manda o barro à parede e os outros que engulam os sapos no entanto, nessa altura ja esta a barafustar com a gente por causa de quem deve e não deve educar o jovem. Além disso ela é o exemplo perfeito para todos nós, passa o tempo a picar os outros com bocas de nhaca e depois como estou debaixo do mesmo tecto, tenho que me aguentar a bronca, senão, diz logo algo do género.... “coitada de mim... sou uma incompreendida.... estou sozinha neste mundo... virgem santissima sacramento”.... boff.... que tanga pegada!!!


publicado por Aires às 09:16
link do post | manda a posta de pescada | favorito
mais sobre mim
pesquisar nesta casota
 
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
posts recentes

Andar no planeta Marte......

Loucura ou demência em ép...

Engano de verão

Leite diluido ou misturad...

Razões para troca de miúd...

Abrir precedentes

News

Monstros na sopa

Aniversário

Visita de Domingo

arquivos

Fevereiro 2015

Novembro 2011

Setembro 2009

Agosto 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds